quinta-feira, abril 16, 2009

Adriano está nas mãos da Polícia

Jogador teria sido filmado usando drogas


O blogueiro Xico Vargas trouxe essa informação quente, importante e chocante sobre o afastamento de Adriano do futebol. Eu achava que era sequestro na família, mas o que Xico fala não deixa de soar como mais uma verdade.

---
O problema de Adriano é um vídeo
14-04-2009

As primeiras informações chegaram por amigos do jogador. Sabe como é, todo melhor amigo tem um melhor amigo. As demais foram fornecidas por policiais mesmo. Todos com aquela convesa de canto de boca, tipo “não espalha, mas…”, o problema do Adriano é um vídeo gravado durante uma das festas que ele promoveu. A gravação registra imagens do jogador consumindo droga.

Há uma divergência nas informações, mas pouco importante. Uns dizem que a festa foi na favela da Chatuba, na Vila Cruzeiro, outros que foi na casa que Adriano havia comprado, na Barra, na qual, segundo os jornais, houve uma festa que teve, entre os convidados, três prostitutas e um travesti. A tal festa que motivou a separação entre Adriano e a namorada. Todas as informações, porém, coincidem no seguinte: o vídeo foi parar nas mãos de integrantes da banda podre (e bota podre nisso) da polícia que exigiram (e receberam) um milhão de reais.

O período no qual se desenvolveram as negociações entre os chantagistas e representantes de Adriano teria sido o mesmo em que ele, tenso e sem condições de aparecer em público, refugiou-se na favela. Estava com a cabeça no pé, conta quem o viu naqueles dias. Pagamento feito e passado o primeiro embate com as emoções, o jogador deu entrevista intermediada pela CBF. Justificou a fuga para a favela como a busca pelo lugar onde se sente em casa etc.

Logo depois, veio o segundo tranco nessa história. Os escroques da polícia teriam entregue não o original, mas uma cópia do vídeo e estariam exigindo mais dinheiro. Os negociadores agora seriam outros e alegam que as imagens foram copiadas apenas por segurança, mas acabaram indo parar em outras mãos e podem ganhar as ruas.

Os mesmos policiais que conhecem esta história sabem também que integrantes da banda limpa da corporação receberam instruções para saírem discretamente à caça das cópias e das mãos que as detêm.

Blog do Xico Vargas

Nenhum comentário: