sexta-feira, setembro 11, 2009

Boleiros da Bola - Jogo 21

Em pé: Banko, Cleber do HoraSC, Pedro, Ricardo, Jorge Jr e Cleber.
Alongando os glúteos: Paulinho Scarduelli, Fábio Lima, Diego e Cleber do DC


11 de setembro. Não tem nenhuma relação com o texto, só porque é a data de hoje. No vigéssimo primeiro jogo dos Boleiros da Bola, a vitória foi dos Rédis. 14 a 10 no cambaleante Bluus.

O jogo

A partida correu sério risco de não ser realizada, já que o quorum era extremamente baixo. Dos 16 confirmados, o que deixa dois como reservas, apareceram apenas 10. Foi um jogo de futsal debaixo de um sol poderoso. Graças ao preparo físico brilhante dos jogadores ninguém se machucou ou chegou a suar.

Os Rédis logo abriram uma sacola. 7 a 1. Os Bluus, tentando resgatar a força perdida ao não tomar Nescau naquela manhã, perdiam gols. Melhor, deram mais de 20 chutes tentando encobrir o goleiro Banko. Não entrou nenhum. O gol feito pelo Cleber do HoraSC foi de perto. Não contou como tentativa.

Diego Passos, o intrépido matador, desperdiçou o seu caminhão de chances, assim como o Maestro Jorge Jr. Este último, como sempre, deixou a sua marca em duas oportunidades. Uma foi de cabeça, parando no ar como Dadá Maravilha. A outra, sinceramente, não me recordo. Os dois atuaram pelos Bluus.

No lado Colorado que no domingo viria a ter a sua felicidade aumentada, o destaque foi o Roberto Brum do SBT, Fábio Lima. O blog sempre mostrou coerência e ética ao tratar da nota deste atleta, e hoje, mais uma vez, iremos manter a coesão. Fábio fez uma partida digna de um Felipe Melo contra o Chile, ou Verón contra o Uruguai. O detalhe foi que não teve cartão vermelho no Boleiros.

Além de perder o seu caminhão e meio de gols, deu assistências, tentou dribles que nunca tinha acertado - e não acertou ainda - na vida, e ainda deve ter feito um ou dois gols cagados. (Aguarde a nota).

Polivalência

Não é de hoje que o Paulinho Scarduelli vem se destacando como coringa. Protege bem na zaga, sai pro jogo driblando todo mundo, tem um elegância na hora de finalizar, pega TUDO quando vai improvisado pro gol, e ainda é meu professor de Assessoria de Imprensa, sendo que na terça apresentaremos trabalho. O Paulinho é um cara muito legal.

Coletiva


Novamente após o jogo, encontramos nosso gripado atleta Diego "Van Helsing" para nos conceder mais uma coletiva.

Repórter Boleiros da Bola: E o jogo de hoje?

Diego: Uma bola na trave, alguns erros, hoje não estava 100% da minha forma física, mesmo assim consegui fazer dois gols.

Repórter Boleiros da Bola: Hoje, depois de algumas rodadas, não tivemos cobranças de pênalti no jogo, mas foi bem disputado. Como você avalia a vitória do time vermelho?

Diego: Eles fizeram boa vantagem no começo, estavam mais organizados e perdendo menos gols no início.

Repórter Boleiros da Bola: E a gripe, atrapalhou seu desempenho?

Diego: Com certeza, seu repórter. Você não rende a mesma coisa, e quase fui vetado pelo departamento médico. Espero estar recuperado para o próximo jogo.

Notas do Jogo


Ricardo (7, procurando ainda o seu parceiro (de ataque) ideal)
Fábio Lima (6,99, tá quase no ponto)
Cleber (7, o sélebro do time)
Cleber do DC (6, atá tua mulher viu)
Cleber do HoraSC (6,5, pelo gol e pela canhotinha habilidosa)
Jorge Jr. (6,51, pelas boas ideias e por ser o Maestro)
Paulinho Scarduelli (7, melhor dos Bluus)
Banko (7,5, fazendo a diferença faz tempo)
Diego (6, as oscilações são prejudiciais)
Pedro (6,5, reclamou menos, mas jogou duas gramas a mais)

Ficha Técnica

Os Rédis

Banko; Cleber do DC, Cleber, Ricardo e Fábio Lima

Os Bluus
Diego; Paulinho Scarduelli, Cleber do HoraSC, Jorge Jr e Pedro

Salgadinhos: Nenhum
Cervejas: Uma meia dúzia

Um comentário:

Cleber Stoichkov disse...

Sou obrigado a discordar da nota do Brum. Acho que ele já vem merecendo um 7. E não tem nada a ver com o fato de ele vir me oferecendo carona nos últimos tempos. Vejo uma grande evolução no futebol do garotinho alvi-negro praiano. Hã... E a propósito, rola aquela carona amanhã?