sexta-feira, novembro 27, 2009

E ele foi... Silas fora do Avaí em 2010


Não havia ninguém mais feliz que o Semensati ontem, de certeza. Cravou o furo, sem malícia, de que o Silas sairia. E ele vai sair. É difícil segurar o ego inflado de um jornalista, mas quando acontece algo desse tipo, um furo de primeiro, tem que se dar os devidos créditos e parabéns. Apesar de dormir com informação, mas aí é outra história.

Acreditava que o Silas poderia ficar (e se ele saísse?), mas não foi o que aconteceu. A Ana conseguiu falar com ele, mas foi curto e disse estar em uma reunião (gremistas na ilha). Mas ficou a dúvida, já que para à Rádio Gaúcha ele falou normalmente, numa boa, mas escondendo o jogo. Hoje, sexta, às 10h, Silas e a direção irão dar a sua palavra sobre a decisão de não permanecer.

Lógico que quem perde é o Avaí, já que o treinador conhecia bem o clube, seus problemas e qualidades, estava, e está, no caminho para ser um técnico vitorioso. O Zunino poderia lhe oferecer 100 mil por mês, mas uma proposta de 150 mil, ou mais, balança qualquer um, ainda mais em se tratando de treinar um clube de maior expressão nacional.

Já começou os chutômetros para quem deve assumir o Avaí. Citei o Mancini, Chamuska e o Ney Franco, mas o Jorginho, auxilir do Muricy no Palmeiras, também é um bom nome e foi levantado pelo Alexandre, do Coluxa Extra (@agenteinforma).

Engraçado, mas o Avaí não é mais time, na minha visão, para um técnico mais velho, medalhão. Não imagino o Geninho, Joel Santana, Leão, Luxemburgo e até o Parreira na Ressacada. A cara do Avaí rejuvenesceu. Será que é só para mim isso?

Na malinagem

Nomes que não podem entrar em pauta: Abel Riberto, Sérgio Ramirez, Casemiro Mior, Alfredo Sampaio, Leandro Machado, Zetti e mais quem?

Crédito de foto
Foto de Alceu Atherino, Avaí FC

2 comentários:

Anônimo disse...

O nome do Jorginho foi citado ontem pelo Sérgio da Costa Ramos. Pelo o que rolou nos últimos dias, essa mini-série do fica ou não, Silas deu uma de Evando. Muito nhém-nhém-nhém.

E sobre o furo do Semansati, bem lembrado: se sabia, por que ele não quis dar o furo da briga, bate-boca na véspera de Figueira x Duque?

Alexandre Gonçalves

Felipe disse...

Meu voto continua o mesmo...Cuca!!
Já tem tradição no AVAI e evoluiu muito como técnico.
O que eu não quero são esses nomes ai comentados e outros ainda de treinadores com exeperiência so estadual ou de segunda divisão.

Amplexos ;p