sexta-feira, maio 07, 2010

Abel Ribeiro e o Figueirense


Queria ter comentado isso no dia, mas não tive a oportunidade. Abel Ribeiro é o cara que sempre falei que iria dirigir qualquer time, inclusive o Real Madrid, assim que demitia alguém. Ironia, 100% ironia. Ninguém aturaria o Abel como treinador do seu time. E o pior, quando o Goiano cair, e isso vai acontecer um dia, o Abel vai assumir.

O engraçado, aí a memória me ajuda, é que o Abel Ribeiro foi o único técnico vaiado ao extremo após conquistar um título. É sério.

O ano era 95, eu tinha os meus 12 anos, ou quase isso, e o Figueirense chegou na final da primeira Copa Mercosul. Lembro que jogaram com o Olímpia, do Paraguai, mas o time da final eu não lembro.

O time venceu o JEC na prorrogação e ficou com o título. Festa? Que nada. A torcida foi toda pra parte de trás do túnel descer a lenha no Abel Ribeiro. Vaias, xingado de tudo quanto é nome e ainda retribuiu a "homenagem" dentro do campo.

O time campeão:
Rogério; Felício, Gelásio, Solis e Denílson; Gilmar Serafim, Oliveira, Ricardo e Biro-Biro; Zé Cley e Édson Bela.

Crédito de foto
Foto de Carlos Amorim

Nenhum comentário: