segunda-feira, novembro 22, 2010

Lotação da Ressacada me lembrou título do Avaí de 1988

A minha memória não me dá riqueza de detalhes daquela final entre Avaí x Blumenau, mas lembro bem que assisti ao jogo no cavalinho do meu pai. Motivo? Lotação máxima nas arquibancadas e fomos remanejados, mesmo com ingresso, para a costeirinha. Consegue visualizá-la na foto?

Achei que não veria a Ressacada tão cheia assim. Sério, já que o público, mesmo em grandes jogos, sempre deixava algum vago. Contra o Atlético-GO, surpreendentemente, o Estádio bateu o seu recorde de público – agora que a capacidade ainda está reduzida, é claro.

Mais que a vitória do time, que saiu da zona de rebaixamento, a festa da torcida foi o diferencial. Outra, o valor do ingresso É IMPORTANTE nessa "compra do time" pelo torcedor. Só os sócios, isso que boa parte paga e não vai, não fariam aquela festa. E mais, é bom repensar os valores para 2011. Reconhecer o erro é uma coisa digna.

Crédito de foto
Foto de Manoel Bento

8 comentários:

Leonardo Cunha disse...

Sou de Rio Grande/RS e eu tinha quando era criança uma camiseta do Avaí do título de 88, já que parte da minha família é de Biguaçu e meu time aí em SC é claro o Avaí. Sorte ao Leão da Ilha para que permaneça na Série A.

Gilberto disse...

É por causa de momentos como estes que o Avaí é lembrado como o time que "faiz cousa"!
Abs.

Jorge Jr. disse...

Leonardo, valeu por ter aparecido por aqui. Eu não lembro muito do jogo, mas me recordo da pipoca, de ter entrado no gramado depois e ter chego em casa bem tarde.

Gilberto, é preciso fazer mais "cousa" no domingo. Se fizer, aí é só alegria.

Abraços

Tia do Théo disse...

Esses dias o pai tava falando desse jogo...
E desse sorte, ganhasse pipoca da hora. No meu tempo não era assim... huahuahhauha

Fabio Machado disse...

Grande Jorge :

Sobre aquele jogo sensacional onde vencemos por 2x1 e de maneira antecipada comemoramos o título estadual em cima do Blumenau. o público total divulgado foi de 25.735 torcedores, sendo que o administrador do estádio na época o Sr. Ceará disse que teve de abrir os portões em um determonado momento , ficando inclusive as rampas de acesso e os corredores tomados, assim como a popular costerinha que superlotou, segundo o mesmo o publico divulgado foi até a abertura desses portões, portanto ele acredita que somado ao pessoal que entrou depois acredita que haviam 30.000 pessoas. De qualquer forma é o maior publico da história do campeonato catarinense.

Vale lembrar que o timaço de 1988 tinha Adilson Helenoo Pelé da Ressacada.

Abs. e parabéns pelo blog.
Fabio

Anônimo disse...

Vai te fuder com jogo do avaí.

Assinado DANIEL VICENTE

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Jorge Jr. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.