sexta-feira, dezembro 31, 2010

Valeu, 2010!

O ano que passou foi um baita pra mim, tanto pessoalmente quanto profissionalmente. O blog conseguiu manter a média de audiência - que não é grande, mas é muito significativa. Muita gente passou a adentrar diariamente neste espaço, mesmo ele não sendo atualizado com a constância que o jornalismo pede. Outro fator positivo, pra mim, é manter um bom nível de blogs parceiros. Essa turma que gera audiência e amizade nos encontros jornalísticos e estádios da vida.

No pessoal, meu filho é uma alegria por minuto. Meu pai superou uma quase morte, assim como minha mãe foi imensamente guerreira. Minha mulher é um exemplo pra mim. Terminei, no período desejado, a faculdade de jornalismo. Não era meu sonho de infância, já que queria ser professor de matemática ou motorista de ônibus de viagem, mas fui escolhido, talhado e esculpido para ser jornalista. Profissão que exerço 24h por dia - o que deixa a minha mulher maluca.

Nessa carreira, que tenho minhas metas para cumprir, galguei o meu terceiro degrau. Sai de assessor de imprensa do Centro Cultural Escrava Anastácia, fui para assistente de conteúdo do clicEsportes para agora, passados quatro meses, estar realizando um dos meus sonhos profissionais que era trabalhar no jornal impresso, estar como subeditor de esporte da Hora de Santa Catarina.

2011 vai ter muita coisa para conquistar, muitos passos pra frente e para trás. E assim, devagarinho, a vida vai nos levando.

"Sempre em frente, não temos tempo a perder".

3 comentários:

@leonardosilvasc disse...

Show de postagem, eu também quando era pequeno queria ser motorista de onibus (hehe), e também queria fazer jornalismo, mas conforme fui crescendo minha habilidade em fazer redações foi decolando, ai segui outros rumos, feliz 2011 pro amigo toda familia e que seja um ano de muito sucesso, e espero que vc cubra muitas conquistas azzurras, forte abraço!

Felipe Matos disse...

Grande Jorge, parabens pelo ano e és minha esperança de um mundo melhor na cronica esportiva local, hein! hehe

abs!

Jorge Jr. disse...

Leonardo, valeu! Eu queria ser motorista exclusivo da Itapemirim. Um barbeiro a menos na BR.
Um grande ano pra você tambem.

Felipe, acho que tá mais fácil ganhar na megasena hehehe
Mas pode deixar que vou lembrar desse teu recado. Melhorar é preciso.

Abraço