sexta-feira, janeiro 07, 2011

Os veteranos do Campeonato Catarinense 2011

A turma um pouco mais velha, mas que ainda bate uma bola redonda, vai estar em campo no Catarinense 2011. De cabeça, consegui anotar cinco jogadores na faixa dos 35 anos. Aloísio Chulapa, do Brusque, Nivaldo, da Chapecoense, Ramon, do JEC, e Téio, do Metropolitano.

Todos esses jogadores citados devem ser titulares em suas equipes. Ainda há outros com a idade avançada. Caso esteja esquecendo de alguém, e tenho certeza disso, peço ajuda para que me lembrem aí.

Aloísio Chulapa, 35 anos - O ex-atacante de São Paulo e Vasco já mostrou serviço fazendo um gol no jogo-treino contra o Imbituba. A especialidade dele não é balançar as redes, mas ser o garçom. No São Paulo era ele quem fazia as jogadas para o Amoroso marcar os gols.

No Brusque, Aloísio vai atuar como a referência de ataque e do time. Pela experiência, ainda acredito que vá assumir a braçadeira de capitão. Sem contar que as entrevistas dele são um barato, além de levar mais público para ver o "medalhão brusquense".

Nivaldo, 37 anos - O goleiro Nivaldo já deveria ter uma estátua em Chapecó. Ídolo da torcida, o jogador vai disputar mais um catarinense. A dúvida é se vai ficar como titular, já que Juliano vem sendo escalado no seu lugar. Em 2010 acabou engolindo alguns pirus, se machucou, mas deve estar inteiro.

No Verdão, Nivaldo já salvou o time em diversas oportunidades, como no acesso à Série C. Pela idade, parece que caiu um pouco de nível, assim como Rogério Ceni. Porém, é um dos jogadores em que o técnico Mauro Ovelha pode confiar dentro de campo.

Ramon Menezes, 38 anos - O mais velho de todos também é o melhor tecnicamente entre eles. A operação para trazê-lo ao JEC não deve ter sido fácil, já que é um jogador que saiu da Série A para um time da Série C. O curioso é que o contrato é de dois anos, levando a crer que ele vá encerrar a carreira no tricolor.

A qualidade na bola parada ele não desaprendeu, tanto que ajudou o Vitória a chegar na final da Copa do Brasil de 2010 (veja o golaço que ele fez no goleiro Bruno, do Flamengo). Na Série A Ramon não conseguiu repetir a sequência de bons jogos.

Téio, 35 anos - O zagueiro conhece tudo de futebol catarinense. Já jogou em time grande, o Avaí, e em quase todos os times médios e pequenos do Estado. Foi para o Metropolitano por ser um dos jogadores de confiança do técnico Joceli dos Santos.

Em 2010, Téio era capitão do Imbituba que surpreendeu no Catarinense. Tinha futebol para jogar tranquilo na Série B, mas não arranjou time. É o mais limitado entre os veteranos citados, mas com capacidade de parar Aloísio e Ramon, além de vazar, de cabeça, as redes do goleiro Nivaldo.

5 comentários:

Minks disse...

Olá Jorge,
de que cidade vc é que até agora não consegui descobrir?

Minks disse...

A e me esqueci de pedi tb... qual é time que vc torce aqui em Santa Catarina ou qual é o time de seu coração?

GILTON MARTINS disse...

acresente mais 2 veteranos nesta lista.
SERGIO EX PALMEIRAS 39 ANOS (IMBITUBA FC)
ARILSON EX GREMIO (IMBITUBA)

http://www.imbitubafc.com.br/

Diego Wendhausen Passos disse...

O Jorge é de Florianópolis e torce pelo Figueirense, mas tem simpatia pelo querido Avaí, time do pai dele. Também frequenta a Ressacada.

Jorge Jr. disse...

Minks, Diegol praticamente acertou. Mas acho que não.

Gilton, amanhã aqui no blog um post sobre o vovô Sérgio.