quinta-feira, junho 02, 2011

20 anos da maior glória do Criciúma EC


Confesso, em 1991 eu ainda não era um lunático por futebol, tanto que lembro muito pouco do que representou aquele título do Criciúma na Copa do Brasil para o Estado. Se não falei na época, e aí era exigir demais de um garoto de oito anos, hoje dá para mensurar o tamanho daquela conquista. Mas lembro dos jogadores que fizeram essa história.

Daquele time, guardo bem na lembrança o futebol do Jairo Lenzi. Achava ele o melhor do mundo. Era muito rápido, tinha bons dribles e fazia gols. Roberto Cavalo, pra mim, era uma das referências nas cobranças de falta. Do goleiro Alexandre, apesar de muito bom, lembro mais de um gol olímpico que ele tomou do Marcelinho Carioca na estreia de um Brasileirão pelo Tigre.

São 20 anos sem que nenhum outro time de Santa Catarina tenha levantado a mesma taça e ido à Libertadores. Pelo andar da carruagem, não será em 2012 que isso acontecerá novamente. Por isso, parabéns ao Criciúma pelo título inédito até hoje.

Como brinde, até pra mim, deixo o teaser de uma turma de Criciúma que fez um TCC sobre o assunto. Quem orientou essa galera foi o Paulo Scarduelli, que foi o coordenador do meu curso de jornalismo e também orientador do meu TCC, além de ser um grande amigo.

Nenhum comentário: