segunda-feira, outubro 31, 2011

Rodada nos padrões de 2011


Por Roberto Rivelino

Para infelicidade da torcida avaiana, mais uma vez seu time permitiu a virada no placar, deixando uma pergunta no ar: será que a equipe de preparadores físicos do Avaí não é competente o suficiente para permitir que seus jogadores tenham fôlego para aguentar os 90 minutos de jogo?
Esta pergunta toma força com o mau desempenho do jogador Robinho, autor do único gol azurra, que foi substituído no início do segundo tempo pelo jogador Leandrinho. Um jogador profissional não conseguir manter seu ritmo em um jogo em que somente um time estava jogando? Isto é, no mínimo, estranho! Seria natural se o Avaí estivesse perdendo, mas ele estava ganhando contra um adversário muito mal posicionado. Tudo bem, haviam muitos torcedores empurrando o time do Corinthians, mas a pressão é natural, e o jogador é preparado para isto!
O retorno do Caçapa mudou o time do Avaí. Ele se tornou o xerifão da zaga do time da Capital, mas uma andorinha só não faz verão, e, embora não aceitando a queda do Avaí, infelizmente vejo como o destino. O cenário leva a crer que no próximo ano teremos três times catarinenses na Série B.

Fernandes, do banco para os braços da galera!

Tem algo melhor do que ganhar diante da torcida? Tem sim!
Fernandes, o maior artilheiro da história do Figueirense, marcou dois golaços de fora da grande área, e respondeu a esta pergunta, fazendo o Orlando Scarpeli tremer aos pulos dos torcedores nas arquibancadas.
Ele tem estrela, é apaixonado pelo time e é a paixão da torcida! Ele mostrou que ainda pode render muito ao Figueirense, não somente aos cofres através da equipe de marketing, mas em campo.
O Furacão do Estreito, em dia de forte vento sul, mostrou que de virada é bem mais gostoso, e colocou um tempero manezinho no vatapá dos baianos, ajudando, inclusive, o time do outro lado da ponte, que, infelizmente, não fez a sua parte.
O Figueirense, agora, soma 11 jogos invicto, está dando uma aula de reação e organização, o que traz a esperança da Libertadores e de um 2012 ainda melhor, já que os cofres certamente estarão cheios.

Próxima Rodada

O Figueirense terá confronto direto, índo até o Rio de Janeiro enfrentar o Botafogo.
Não diferente, o Avaí receberá o Ceará, com a obrigação de somar três pontos e ainda torcer pelo tropeço de todos os outros adversários diretos. Difícil, mas fico na torcida, pois não gostaria que a Libertadores ou a manutenção na Série A fosse decidida contra o Figueirense na última rodada.

Crédito de foto
Foto de Carlos Amorim

Nenhum comentário: