segunda-feira, novembro 14, 2011

Toninho não, mamãe!


Confesso, desde que o Avaí contratou Toninho Cecílio sempre quis usar a música do Tiririca como título de post. Eis-que hoje veio a calhar. Toninho Cecílio, após um longo e tenebroso inverno de maus resultados, foi demitido pelo Avaí.

Lamento, e digo isso por ter visto nele um cara legal fora a parte de campo, que ele será estigmatizado como o treinador do rebaixamento. Silas e Gallo tiveram boa parcelo disso, mas é nos ombros de Toninho que o chumbo será mais pesado. Minto, o peso maior, e que vem sendo carregado desde 2010, cairá em cima dos torcedores avaianos.

São eles os culpados por não apoiar o time, de esvaziar a Ressacada e, por que não, de montar um time fraco.

Foi tarde? Claro.
É o culpado de tudo? Não.
O Avaí iria se manter com ele? Não.
Pode ir na paz? Pode, e pela sombra.

Nenhum comentário: