sexta-feira, fevereiro 20, 2015

O Avaí que não decola no Catarinense 2015

Foto: Jamira Furlani/Avaí FC
Não é por culpa do goleiro Vágner, mas das alas em diante o Avaí está servido de âncoras. Eltinho e Pablo, figuras já carimbadas no futebol ilhéu, iniciam a temporada de mal a pior.
Claudinei, Eduardo Neto e Renan Oliveira também não emplacaram. Na frente, André Lima já deu duas bicicletas, em jogos diferentes, mas ainda não balançou as redes.

Os garotos Rômulo, que vem sendo titular, e Yuri, que fez gol, pouco tem culpa nesse cartório. O técnico Geninho vem errando, mas nao é por omissão, o que já é alguma coisa. É nítido que a vontade de acertar, que parece estar em excesso e descalibrada, vem prejudicando o grupo.

Contra o Marcílio Dias, no domingo, qualquer ponto deve ser positivo, mesmo que a necessidade de vitória seja maior que tudo. Já deu de ficar no chão, tá na hora de decolar.

Gozação: agora passa Metrô na Ressacada

Nenhum comentário: