segunda-feira, outubro 16, 2017

Biquinho confirma a falta de vitórias do Avaí


De nove pontos disputados, sendo seis em casa, o Avaí não somou nenhum. Após perder para Atlético-GO e Vasco na Ressacada, neste domingo o Leão foi derrotado pelo Fluminense por 1 a 0. Foram três reveses para três adversários diretos na luta para evitar o rebaixamento.

O Avaí não está rebaixado, mas a falta de resultado leva a crer que permanecer fica a cada rodada mais difícil, mostrando que a razão deve levar o time para a Série B. Porém, os biquinhos que o Leão deu nos grandes, só contra eles, podem fazer o time somar os pontos pra ficar. Mas é preciso fazer alguma coisa para mudar a situação, bicar também os rivais diretos. Claudinei Oliveira tem a gestão do grupo, joga limpo e tem o vestiário. Mas, ao meu ver, peca por esperar demais pela resposta de quem não vem rendendo.

Luanzinho como titular é a maior ousadia dele no campeonato, pode-se dizer. E é pouco. O elenco não é dos maiores, muito menos qualificado, mas é possível buscar alguma solução. Das 12 vezes que o time saiu atrás do adversário na Série A não venceu nenhuma vez. Falta poder de reação, essa virada com as cartas que tem para buscar algo. Propor o jogo, termo da moda no futebol, não é o que o time faz. Porém, deveria saber pra usar quando precisasse. E o Avaí precisa ganhar, virar jogos e se manter na elite. Mas só com força defensiva e um ataque "arame liso", como diz o Mauro Cezar Pereira ao citar o Flamengo, que tem Guerrero e tudo, não deixa ninguém na elite.

Crédito de foto: Lucas Merçon/Fluminense FC

Nenhum comentário: