sábado, abril 28, 2018

Uma arena no lugar do Orlando Scarpelli



A ideia não é nova, a maquete acima é de 2008 e visava ser uma sede para a Copa do Mundo de 2014. No final Florianópolis não "entrou" no Mundial, a ideia da Arena não foi para frente e o Estádio Orlando Scarpelli vai ficando cada vez mais distante da modernidade a cada ano que passa, mesmo com as melhorias que sempre são feitas.

Mas o acordo da Nexxera com o Figueirense para começar um estudo de viabilidade para a construção de uma nova arena, com prazo de conclusão de 16 meses, é um passo importantíssimo para que o Scarpellão ganhe uma melhoria. A área é aquela, não tem como ampliar, mas é possível deixar o local mais moderno. A desmontagem do estádio, por exemplo, não seria o maior drama por ter sido feito em bloco.

É claro que tudo ainda está num processo embrionário e esse um ano e quatro meses para conclusão do estudo vão servir também, segundo o clube, para que a Nexxera apresente no fim os investidores que irão bancar a obra. E aí que uma notícia da semana chama mais atenção: a renúncia do presidente Wilfredo Brillinger.

Sempre se especulou que o real interesse dele era na área do Scarpelli, mas nunca se provou. Sem mais fazer parte do quadro diretivo alvinegro e sendo ele um homem da construção, a partir de agora, nada impede que a sua empresa apresente um orçamento, digamos assim, para tirar do chão a nova casa alvinegra. É especulação? É, mas pode vir a se tornar realidade no futuro.

Nenhum comentário: