Por muito pouco o Figueira não comete o crime

Faltou pouco, pode-se dizer que duas chances claras de gol, para o Figueirense não comenter o crime perfeito em Porto Alegre. O jogo terminou 1 a 1 para o Figueira, podemos assim dizer. Marquinho abriu o placar para o Figueirense e Reinaldo empatou. O título do tricolor gaúcho, antes cantado em verso e prosa, hoje está um pouco mais distante. Parece que o 7 a 1 não aconteceu nesse campeonato.

O lance do gol gremista foi a polêmica maior da partida, já que ele deu falta do Wilson por ficar mais de 6 segundos com a bola na mão. O cronômeto marcou oito segundos, e isso é o mínimo que todo goleiro fica, tanto que no segundo tempo o Wilson continuou fazendo a mesma coisa e ele não marcou. Coerência zero!

A vontade que o time demonstrou me deixou mais animado para o resto do jogo com o Fluminense. Serão 75 minutos para virar o marcador. Se o time jogar a bola de hoje e melhorar em 200% a finalização, aí os três pontos virão mais facilmente. Ah, isso se o Cleiton Xavier achar a bola, já que contra o Grêmio ele foi um mero cone em campo.

O time está na zona de rebaixamento, o que é uma vergonha, mas só depende dele para sair dessa situação, assim como o Avaí está a dois passos do paraíso.

Crédito de foto
Foto do Site oficial do Figueirense