A luta nos batidores continua


Fiquei surpreso ao ver ontem uma chamada da RIC Record anunciando a transmissão de Joinville x Criciúma, domingo, às 17h. Será que vai mesmo ter a transmissão?

A RBS TV já anuncia a partida há tempos e promoveu uma grande festa, em parceria com a Federação, como lançamento do Catarinense 2009.

Uma coisa não dá pra discutir, não dá mesmo, é o interesse e a qualidade de desenvolver o produto, como a RBS está fazendo. O campeonato terá uma cobertura monstro, coisa nunca antes feita em Santa Catarina, talvez só no Rio Grande do Sul. São mais de 200 profissionais (199?) cobrindo todas as mídias. TV, jornais, rádio, celular e internet. (há outras questões para se discutir)

A RIC Record têm capacidade de transmitir o campeonato, isso é lógico, mas o produto eles não souberam dar o devido valor. O meu amigo Artur de Bem falou isso num comentário aqui no blog. Acessem o portal clickric e vejam a diferança.

Como se não bastasse, o clicRBS lançou um especial do Catarinense 2009. Tudo sobre os clubes com fotos, elenco, vídeos, matérias e com espaço para participação dos leitores. Podemos questionar essa participação em outro post, já que acompanho a visão do Alexandre Gonçalves e do Artur sobre isso.

Domingo eu estou na escala e este será o meu primeiro catarinense trabalhando. Meu lado torcedor, de ir ao estádio, vai ficar para outra hora. O meu guri daqui a pouco está chegando no mundão e não irei trocá-lo por uma partida de futebol, ao menos nos dois primeiros dias. Ano quem vem ele vai conhecer os nossos estádios, ah se vai.