As últimas 10 edições do Campeonato Catarinense foram conquistadas por apenas quatro clubes. A sugestão veio ao conferir uma postagem do perfil @SCparametro2016.

A hegemonia, podemos dizer, pertence a três clubes: Avaí, Chapecoense e Figueirense. O Criciúma venceu um vez, em 2013, sendo o "intruso" entre os campeões. Se abrirmos a contagem para 20 anos, a última conquista fora do trio foi do JEC, em 2000 e 2001. Abrindo para 30 anos, o Brusque foi o último fora os cinco grandes a ficar com a taça, em 1992.

Não que Santa Catarina tenha uma grande quantidade de equipes favoritas, mas a lista explicitou bem o tamanho do JEC neste contexto - mesmo que tenha comemorado primeiro e depois perdido no tapetão o troféu em 2015, com o caso André Krobel como jogador irregular.

A tendência para o Campeonato Catarinense 2020 é que essa sequência se mantenha, com o Avaí, atual campeão, pintando como principal favorito, já que a crise financeira de Chapecoense, que terá que fazer um time mais modesto, e Figueirense, que sequer conseguiu trazer reforços importantes e está péssimo nas finanças, precisa ser considerada.

Soma-se a isso o nível dos reforços que o Avaí está trazendo para a próxima temporada, como Bruno Silva e Valdívia, atletas de Série A que toparam descer de divisão e num Estadual mais fraco, via de regra, possuem condições de sobrar.